Agosto

1024px-joseph_severn_-_posthumous_portrait_of_shelley_writing_prometheus_unbound_1845

Posthumous Portrait of Shelley Writing Prometheus Unbound (1845),  Joseph Severn.

Os ventos de agosto trazem o gosto do teu cheiro. Eles vêm com o calor dos teus abraços e com o calor dos teus amassos. E eu caio em devaneios, como sob teu tato – teu domínio. Esses ventos a gosto têm gosto de saudade.


Lucas Lopes. Agosto de 2014

Anúncios

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s